UFC: Quem é o “England McGregor” que destruiu o brasileiro em sua estreia e prometeu superar o original?

“Estou aqui para cuidar do UFC, sou o novo rei aqui, sou o novo homem rico.”

Qualquer um que leu esta frase rapidamente pensa que ela veio de Connor McGregor. Mas a verdade é que apareceu um novo locutor na maior competição de MMA do mundo.

Mas, afinal, quem é Paddy Pimblett, o sensacionalista britânico destruiu o brasileiro Luigi Vendramini em sua estreia no UFC, e prometeu até mesmo esmagar o McGregor original no futuro?

“Eu sou como uma pessoa infectada. Estou muito polarizada. Algumas pessoas gostam de mim e algumas pessoas me odeiam. Mas você vai me ver lutando! Neste esporte, eu coloquei a minha bunda na cadeira e olhos”, Paddy disse V ESPN.

Com apenas 27 anos, Pimblett tem um recorde de 17 vitórias profissionais e 3 derrotas, e tem uma trajetória semelhante à de Conor, inclusive. O inglês chegou ao UFC reconhecido pelo Cage Warriors Featherweight Championship, mesmo campeonato que McGregor já conquistou no passado.

O estilo do Paddy é muito agressivo, mas sua autoconfiança nas entrevistas também tem chamado a atenção das pessoas, sempre zombando dos adversários e dizendo que quer dominar o mundo.

Como o irlandês, ele até previu o fim da batalha. No jogo contra o Vindramini, ele prometeu e cumpriu quando foi eliminado no primeiro turno.

“Não falei só que fui nocauteado no primeiro round. O Luigi adormeceu, cara! Ele precisa de um travesseiro! Nem tive chance de socar mais porque ele foi cochilar”, brincou.

No entanto, há uma diferença fundamental entre os dois: apesar de ter sido eliminado, Pimblett é até um especialista em luta, lutando lutando. Das 17 vitórias em sua carreira, 7 foram rendidas e as outras 6 por nocaute.

Mesmo assim, ele esperava que esmagaria o McGregor original. no chão!

“Eu disse em uma entrevista há seis anos que iria esmagá-lo! Não estou nem brincando. Acho que vou colocá-lo no chão e finalizar com facilidade”, disse ele.

Paddy sabia que o duelo dos sonhos com McGregor por dinheiro não aconteceria. Mas isso não é impossível. Afinal, ele foi notado! O próprio Connor lhe desejou “boa sorte” nas redes sociais antes de sua estreia.

“Ainda estou a alguns quilômetros dessa batalha. Não sou louco. Mas como eu disse, não me importo. Está nas mãos do UFC. uma cadeira “, disse ele.

Que tal um super jogo em Anfield?

“Nos próximos anos eu quero lutar em Anfield, a casa do meu time de futebol (Liverpool). Vamos vender todos os ingressos, eu prometo! Isso está chegando!”, avisou Paddy.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here