Parabéns Wanderlei Silva – Lenda do MMA

394
Hoje o VemNaMao.com faz hoje uma homenagem especial para o Wanderlei César da Silva ou simplesmente Wanderlei Silva, uma lenda viva do MMA que esta completando 37 anos nesta quarta-feira, Wanderlei seguiu carreira militar e começou os treinos de Muay Thai, na equipe Chute Boxe, liderada pelo Mestre Rudimar Fedrigo. Logo nas primeiras lutas, Wanderlei já mostrava seu jeito frio e seu jogo de agressividade máxima para derrotar adversários, na maioria das vezes, por nocaute.
Treinou na Chute Boxe e hoje treina na em sua própria academia, a Wand Fight Team ao lado de nomes como Sérgio Morais e Vitor Viana nos Estados Unidos; é hoje, um dos maiores nomes do MMA mundial. Wanderlei começou a treinar Muay Thai pois ele se achava baixinho e gordinho.

Quando completou 20 anos, com o rosto todo inchado e vários pontos no supercílio ouviu do seu pai Horlando Silva “isso não vai dar em nada, arrume um emprego”, mas Wanderlei continuou com o seu sonho ganhando seu primeiro prêmio no Japão no valor de US$3.500 em 1999.

Desde então, o curitibano já venceu 34 lutas, perdeu 12 e empatou 1. Foi campeão representando o Brasil nos Prides evento de MMA, realizados no Japão e Estados Unidos; é ídolo em vários países, especialmente no Japão, onde é personagem de vídeo game e garoto propaganda de diversos comerciais de TV.
Wanderlei é considerado o maior lutador do Pride de todos os tempos, um dos maiores atletas da historia do MMA além de ser o maior recordista de lutas,vitorias e nocautes do Pride. Atualmente está lutando no UFC. Wanderlei Silva é casado e tem dois filhos.

01.

02.


03.

Reviravolta no UFC 139:

Depois da derrota para Chris Leben, o presidente do UFC Dana White anunciou que afastaria Wanderlei do UFC se perdesse a sua próxima luta, propondo uma aposentadoria, como aconteceu com Chuck Liddell.

O co-evento principal UFC 139 estava programado para ter a luta entre Vitor Belfort e Cung Le, porém Belfort se lesionou e Wanderlei Silva foi chamado para substituí-lo.
Wanderlei precisava da vitória para manter a sua carreira e treinou na academia Kings MMA com Rafael Cordeiro, seu amigo de longa data.

Ao longo de seus treinos, Wanderlei recebeu a visita de Anderson Silva, os dois já treinaram juntos na Academia Chute Boxe no passado, Anderson o ajudou nos treinos e elogiou Wanderlei pela sua história no MMA.
Quando chegou o dia, Wanderlei se mostrou confiante na luta.

O primeiro round começou com Cung Le tomando a iniciativa do combate, com um bom golpe de direita. Wanderlei Silva mostrava-se mais cauteloso do que de costume, temendo os golpes fortes do vietnamita. A três minutos do fim do primeiro assalto, Cung Le acertou um forte soco rodado no brasileiro, que sentiu e perdeu o equilíbrio, recuperando-se pouco depois. Temendo ser nocauteado, Wanderlei tentava se manter à distância, e conseguiu acertar alguns bons socos, abrindo o supercílio de Le no fim do round.

No segundo assalto, com a torcida gritando seu nome, Cung Le manteve o seu plano de luta, tentando acertar chutes e socos próprios do taekwondo, enquanto Wanderlei Silva ainda não conseguia aplicar uma sequência de golpes que lhe permitisse abalar o vietnamita e passar a dominar o combate.

Nas vezes em que encurtava a distância, o brasileiro conseguia acertar o adversário. Com um belo golpe de direita, seguido de socos, cotoveladas e joelhadas como nos velhos tempos, Wanderlei abalou Le e conseguiu o nocaute técnico. Após a interrupção do árbitro, a 11 segundos do fim do round, o brasileiro fez um movimento como se tivesse tirando a má fase de si, sendo em seguida abraçado por toda a sua equipe.

Confira:


PS: Sou mesmo fã pra caralho desse cara!


Acompanhe o blog tbm no twitter

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here