Formiga aposta no jiu-jitsu contra Wilson Reis e mira chance pelo título

164

Potiguar enfrenta o compatriota neste sábado, dia 30 de maio, no UFC Goiânia, e após cinco lutas no UFC, pela primeira vez encara um especialista na arte suave.

Foto: Divulgação UFC

O potiguar Jussier Formiga já bateu à porta da sonhada disputa de título na categoria peso-mosca (até 57,1kg) do UFC em duas oportunidades. Neste sábado, dia 30 de maio, ele enfrenta Wilson Reis no UFC Fight Night 67, em Goiânia, em busca da terceira vitória consecutiva e um title shot diante do campeão Demetrious Johnson. Com cinco lutas e três triunfos no Ultimate, Formiga enfrenta, pela primeira vez no octógono, um adversário com característica parecida com a sua, já que Reis também é especialista e faixa-preta de jiu-jitsu. 
Atualmente na quarta posição no ranking da categoria, o lutador tem motivos para sonhar com o título em caso de vitória. À sua frente estão, apenas, Joseph Benavidez e John Dodson, que já o derrotaram, e tiveram suas chances pelo título, além de Ian McCall, que, por sua vez, vem de derrota para John Lineker. O campeão Demetrious Johnson chegou, inclusive, a citar, através das redes sociais, o nome de Formiga como um possível desafiante.
“Fico bastante feliz com essa lembrança do Johnson e é sempre bom saber que ele conhece meu jogo e deseja me enfrentar”, celebra Formiga. “Meu objetivo é, primeiro, vencer o Wilson e depois, quem sabe, sonhar com essa disputa pelo título. Eu já tive a chance de conseguir o title shot duas vezes, mas acabei deixando passar por demorar para cair a ficha que eu estava no UFC. Só depois de um tempo adquiri essa confiança e consegui mostrar minhas habilidades nas duas últimas lutas”.
Com o equilíbrio da categoria, Formiga sabe que não terá apenas que vencer e sim impressionar a organização diante de Wilson Reis, neste sábado, para chegar à disputa de título. “Essa vai ser a primeira vez que vou lutar com alguém tão forte de chão, e acho que a luta pode ser até melhor por isso. Estou mais acostumado a lutar com caras strikers, e procuro sempre treinar mais essa parte para igualar o nível dos meus adversários. Espero fazer um grande combate, aposto mais no meu jiu-jitsu para sair com uma bela finalização e chamar a atenção do UFC”, conta.
O camp para o duelo deste sábado foi feito na academia Nova União, no Rio de Janeiro, que conta com um verdadeiro arsenal de atletas de alto nível nas categorias mais leves. “A preparação foi uma das melhores que já fiz, treinei bastante com caras duríssimos como Renan Barão, Dileno Lopes, Marlon Sandro e eles me ajudaram muito a chegar no ponto certo para esse duelo. Eu procurei também treinar com os canhotos para simular mais o Wilson e sinto que estou bem preparado para ele. Vai ser a minha quarta luta contra canhotos no UFC, já estou acostumado”, afirma.
Aos 30 anos, Formiga estreou no UFC em 2012 com derrota para John Dodson. Após vencer Chris Cariaso e ser derrotado por Joseph Benavidez, o potiguar emendou duas vitórias seguidas sobre Scott Jorgensen e Zach Makovsky. Wilson Reis teve um histórico semelhante ao de seu adversário na organização. Após debutar em 2013 com triunfo sobre Ivan Menjivar, ele foi derrotado pelo compatriota Iuri Marajó e vem de vitórias em seus dois últimos duelos, sobre Joby Sanchez e Scott Jorgensen.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here