Dana White garante: Borrachinha será promovida a meio-pesado

O presidente do UFC disse que o brasileiro pesava cerca de 100 kg na noite de sábado e mostrou bom desempenho mesmo em uma falha: “No quinto round, ele alcançou Vittori. Ele está em boa forma”.

Paulo Borrachinha insistiu que mesmo depois de ser forçado a lutar no meio-pesado (até 93kg), estava mais pesado que o normal na luta contra Marvin Vettori, que voltaria ao peso médio (até 83,9kg) após o confronto. Mas o presidente do UFC, Dana White, tem outras idéias. O patrão garante que os brasileiros ganharão peso permanente.

– (Neste sábado) O peso de Vettori é de 94 kg e o de Costa é de 99,8 kg. Quando algo assim acontecer, com certeza diremos onde você vai lutar.Sim, ele terá que lutar com um peso de 93kg-disse White em coletiva de imprensa pós-jogo.

Paulo Borrachinha (dir.) acerta um chute alto em Marvin Vettori (esq.): segundo Dana, brasileiro mostrou bom condicionamento — Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC

Boracinha foi derrotado por Vittori por decisão unânime do árbitro, mas White disse que o brasileiro parecia bem e não foi afetado, indicando que o meio-pesado é sua categoria natural.

-Ele é um meio-pesado. Olhe para ele hoje, ele é muito grande. Tão velho quanto ele, veja as condições que ele mostrou hoje. Esta é uma batalha, uma guerra entre duas pessoas que querem vencer. Na quinta rodada, ele alcançou Vettori. Um chute no corpo, um soco no corpo, um chute na cabeça … Sua figura já está curada. Ele não perdeu a cabeça, não treinou e parece estar acima do peso. Isso apenas mostra que ele não pode atingir 83,9kg. Acho que ele chegou aqui (em Las Vegas) com um peso de 98,9 kg.

Ao saber que Borrachinha fazia questão de ficar no peso médio, Dana White sorriu.

-Isto vai ser divertido. Garanto que ele não vai.

White disse que a semana antes do jogo foi muito complicada e as negociações seriam conduzidas em uma competição de meio-pesado, e admitiu que a competição de peso pesado foi discutida no processo. Mas no final, ele disse que não reclamaria muito com Borrachinha, pois apesar disso, ele ainda lutou e mostrou que estava pronto.

-Se não der certo ele vai voltar ao Brasil sem um centavo. Não vou receber um centavo. Ele teve que jogar fora 20% de sua carteira, o que era uma punição suficiente. Não sei se ele fez o que fez e agiu do jeito dele (porque queria ser demitido), não sei. Ele jogou muito hoje, então também não posso dar dicas.

Em relação a Vittori, o presidente do UFC elogia muito.

-O preço das ações da Vettori sempre foi alto. Ele é ótimo e é um prazer trabalhar com ele. Tentamos manter o Vettori na luta, ele estava disposto e deu o máximo para lutar. Ele disse que lutaria com qualquer peso, até mesmo pesos pesados. Vittori estava na cabeça dele, Costa não o enfrentaria, e faria todo o possível para evitar que a luta acontecesse.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here