Cris Cyborg confirma contrato com o UFC e desafia Ronda mais uma vez

152
Brasileira não desiste da luta, critica a campeã peso-galo do UFC, se defende da acusação de doping e garante que vai buscar o duelo entre as duas da forma que for.

Incansável. Assim pode ser descrita a cruzada da brasileira Cris Cyborg para conseguir enfrentar a campeã peso-galo do UFC, Ronda Rousey. Em um depoimento publicado em suas redes sociais, a campeã peso-pena do Invicta FC mais uma vez desafiou a americana para lutar, e confirmou ter sido contratada pelo UFC. Escrevendo em inglês, Cyborg propôs que as duas fizessem exames antidoping no padrão olímpico e criticou Ronda por ela abrir uma exceção para Gina Carano, aceitando enfrentar a veterana no peso-pena, mas não Cyborg.

Confira a declaração de Cris Cyborg na íntegra:

“Suas desculpas para não me enfrentar estão caindo quase tão rápido quanto você quando eu te pegar no octógono. Pare de me acusar irresponsavelmente sobre esteroides anabolizantes. Eu estou limpa! Você sabe que passei em vários testes, muitos feitos de surpresa. Vamos fazer testes olímpicos, como Pacquiao e Mayweather, e você vai ter uma desculpa a menos para se esconder por trás. Lorenzo me contratou, estou de volta e vou atrás de você. Depois que lutarmos, você ou vai se aposentar e ir fazer filmes, ou vai fugir para o peso-mosca, como já fugiu de mim nos penas. Você nunca será a melhor até encarar a melhor. Apareça, porque é preciso duas para lutar. Não tenha medo. Os fãs me veem aqui e você só falando. Tenha respeito por eles. É uma vergonha você dizer que enfrentaria Gina Carano no peso-pena e não a mim. De qualquer jeito, vou atrás de você. Se esforce ao invés de dar desculpas. Você pode ter 99 desculpas para não me encarar, mas não estar no UFC não é uma delas.”


Via: Combate

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here