A Festa das Artes Marciais no Panamericano do Rio de Janeiro

174
Foto: Divulgação

O Rio de Janeiro recebeu nesse último fim de semana (25 e 26 de julho) o Panamericano de Artes Marciais, organizado pela UIAMA (União Internacional de Artistas Marciais das Américas). O evento contou com a presença de delegações de todo Brasil e da América Latina, que se encontraram no Complexo Esportivo Miécimo da Silva, no bairro de Campo Grande, para a disputa de diversas modalidades ao longo dos dois dias.
Promovido e produzido pela CBLAM (Confederação Brasileira de Lutas e Artes Marciais), o campeonato recebeu um público de aproximadamente 3000 pessoas, que estiveram acompanhando os 1600 atletas de vários estados do Brasil e países da América Latina como: Venezuela, Chile, Argentina, Equador, Colômbia, Paraguai, Uruguai e México.
Durante todo o dia, os atletas estiveram competindo em modalidades como Kickboxing, Full Contact, Light Contact, Low Kick, Muay Thai, Jiu Jitsu, Submission, entre outros, em uma estrutura que contou com 03 (três) rings e 12 (doze) áreas de tatames.
Segundo o organizador do evento, Mestre Antônio Dias, o evento atendeu todas as expectativas e foi muito bom para o intercambio entre os atletas.
“O público recebeu muito bem e com uma educação fantástica, um respeito muito grande, principalmente com o povo argentino, que quando tocou o hino nacional argentino, todos se comportaram de maneira educadíssima, onde aplaudiram, ficaram de pé. O intercâmbio foi bom não só pelas artes marciais, foi principalmente pela parte cultural, onde as pessoas se conheceram e desmistificaram aquela rivalidade Brasil x Argentina e viram que são povos maravilhosos e podem conviver com harmonia” disse o organizador que ressaltou os elogios dos estrangeiros que participaram do campeonato.
“Eles gostaram muito do nosso país, gostaram da cidade, visitaram praia, inclusive casa noturna, passearam, estão tirando muitas fotos e já estão me perguntando quando vai ser o próximo evento. Com uma pergunta como essa já da para saber que o evento foi bom, a cidade acolhedora e que eles estão muito felizes e querem voltar” disse.
A próxima edição do evento no Rio de Janeiro, já tem previsão para acontecer. Em maio de 2016, os atletas voltam a Cidade Maravilhosa para repetir o festival de artes marciais entrando no clima dos Jogos Olímípicos Rio-2016.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here