Natural de Coari, Milson Barão venceu as drogas para brilhar no Amazon Talent 7

19

Foto: Divulgação

Como muitos jovens do Estado, Milson “Barão” Castro caiu na vida fácil da malandragem e chegou a fazer alguns bicos no tráfico de drogas em sua terra natal, o município de Coari (a 363 quilômetros de Manaus em linha reta). Hoje, aos 23 anos, ele é um dos guerreiros confirmados no card do Amazon Talent 7. O evento de MMA que oferece oportunidade de trabalho e revela novos fenômenos da luta para o Brasil acontece dia 4 de março, no ginásio da Ulbra, Zona Sul da capital amazonense.

“O MMA entrou na minha vida como uma válvula de escape, pois sou de uma família humilde com poucas oportunidades de vida. Aos 15 anos, comecei a fazer coisas erradas, como o tráfico de drogas. Era uma vida marginal, mas que já deixei para trás graças ao esporte”, disse o atleta, que é um exemplo para os colegas da academia Renovação Coari Team.

Além de superar o tráfico, Milson enfrentou outra barra pesada na vida. Aos 17 anos, ele sofreu um acidente de moto, quebrou a perna esquerda e o médico alertou para o risco de sequelas. Durante a fisioterapia, entretanto, Barão conheceu o projeto social RCT, liderado pelo empresário apaixonado por lutas Izaías Cunha. Foi o trampolim para a mudança de história.

“O Izaías foi um pai para mim e para todos nós lá na academia. Comecei a ir treinar com um amigo, que hoje é meu mestre (o faixa preta Robson Torres), e passei praticar jiu-jítsu e MMA. Com 18 anos fiz minha primeira luta de MMA e venci por nocaute no terceiro round”, conta Barão, cheio de orgulho pela volta por cima.

O coariense tem um cartel com duas vitórias e três derrotas. Seu principal feito foi ter encarado John Macapá, ex-atleta do UFC, no evento Eco Fight Championship 17, em dezembro de 2015. O adversário famoso levou a melhor na decisão dividida dos juízes.

No Amazon Talent 7, Barão vai enfrentar Thiago Pitbull (Trinity/Roraima), valendo pela categoria até 70 kg (leve).

“Sei do meu potencial, pois perdi para o Macapá no detalhe, na decisão dividida. Mas no Amazon Talent 7 estarei mais preparado e quero dar um show para o público”, avisou o atleta de Coari.

Para se manter treinando, Milson recebe apoio de Izaías Cunha (Allana Modas), Elizeu Alves (Joalheria Elizeu Joias), Alan Mafra (Loja Onix.Com), Júnior (Academia W Júnior), Jacy (Drogarias Farma Norte), Everton Medeiros (Fermatec) e Moisés Oliveira (Loja Chora Pra Vender Fiado).

Compre seu ingresso

Os bilhetes para o Amazon Talent 7 custam R$ 25 (arquibancada), R$ 40 (cadeira VIP) e R$ 200 (mesa). Podem ser comprados nas academias dos atletas envolvidos no card e também por meio dos telefones (92) 98262-2820 e 99154-1158.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here