Imortal FC 4: Thiago Bel tenta manter incrível sequência diante de ex-UFC Jorge Blade

4

Evento acontece neste sábado, dia 21 de maio, em São José dos Pinhais, a 15km de Curitiba (PR); atleta local, Bel defende sequência de 12 vitórias e festeja torcida a favor.

283720_604944_img_6097

Thiago Bel e Jorge Blade fazem a luta principal da noite do Imortal FC 4 / Foto: Marcio Valle

Tudo pronto para mais uma edição do Imortal FC. Depois do sucesso do último show no interior de São Paulo, a organização retorna ao ginásio Max Rosenmann, em São José dos Pinhais, no Paraná, neste sábado, dia 21 de maio. O Imortal FC 4 – Dynamite conta com um total de 24 lutas, sendo sete delas de kickboxing e três em formato de GP. No duelo que lidera o card, o curitibano Thiago Bel defende uma sequência de 12 vitórias consecutivas sobre o carioca Jorge Blade, que vem de passagem recente pelo UFC, pela divisão dos leves (até 70kg). O evento começa às 17h e tem transmissão ao vivo do Esporte Interativo a partir das 21h.

Lutando em casa, Bel busca 13ª vitória consecutiva

Um dos protagonistas da luta principal do Imortal FC 4 é o paranaense Thiago Bel. Aos 25 anos atualmente, ele começou a carreira no muay thai e atua no MMA profissional desde que atingiu a maioridade. Thiago tem como referência o conterrâneo Wanderlei Silva, e é inspirado no ex-lutador que ele defende uma incrível sequência. Com um cartel de 16 vitórias e apenas três derrotas, Thiago vem de 12 triunfos consecutivos, sendo oito deles por nocaute. O lutador credita a boa fase aos treinamentos duros realizados na sua academia.

“Isso é consequência de um trabalho muito árduo que já vem há muito tempo. Tenho consciência que só vou conseguir manter essa boa fase se estiver sempre evoluindo e buscando coisas novas para vencer minhas lutas. Estou bem preparado para essa luta e tenho certeza que vou conseguir aumentar ainda mais essa sequência de vitórias”, confia.

Para o duelo diante de Blade, Bel conta com um apoio especial fora do cage. Natural de Curitiba, a apenas 15km do local do evento, o lutador espera grande apoio das arquibancadas. “Encaro isso com uma grande motivação. Estar perto dos amigos, familiares e sentir essa força vindo deles me ajuda muito. Vai ter uma grande torcida lá e sempre que entro para lutar dou meu máximo em busca da vitória, mas com certeza lutar em casa me dá uma força extra”, afirma Bel, que também reconhece a qualidade do oponente.

“Meu adversário veio do kickboxing, trabalha muito bem os chutes. Mas tenho armas para defender tudo que ele pode me oferecer. Sei que é um atleta duro, com passagem pelo UFC, mas garanto que do outro lado também tem uma pedreira esperando ele”.

Com passagem recente pelo UFC, Jorge Blade busca retomada da carreira

Na vida do carioca Jorge Blade nada foi fácil. Criado no bairro da Penha, na Zona Norte do Rio de Janeiro, o lutador passou por uma infância difícil e conseguiu achar no esporte uma forma de vencer na vida. Oriundo do kickboxing, modalidade que começou a praticar com 12 anos de idade, Blade chegou ao ponto máximo de sua carreira no ano passado, quando foi contratado pelo UFC. Com uma carreira invicta de sete vitórias até então, Blade sofreu com a pressão de estar no maior evento de MMA do mundo e sofreu dois reveses que lhe custaram o contrato com a organização.

“Eu me sinto privilegiado de ter lutado no maior evento de MMA do planeta. Eu realmente senti um pouco a pressão de estar no UFC, mas sou muito grato por essa chance e serviu como aprendizado também. O objetivo agora é mostrar que posso voltar ao UFC e me apresentar melhor”, afirma o atleta de 36 anos.

Para o combate diante de Bel, Blade chega muito motivado. Depois de aceitar lutas em cima da hora, como em sua estreia no Ultimate diante do brasileiro Dhiego Lima, ele festeja poder fazer um camp completo. “Os treinos foram bem específicos em cima do meu adversário. Eu tive um tempo bom para me preparar. Estou com muita vontade de voltar a aparecer, de mostrar que sou capaz. Estou me sentindo até melhor do que no UFC, já que não consegui treinar muito para minhas lutas quando passei por lá”.

As qualidades de Thiago não são novidades para Blade, que promete surpreender o curitibano na casa dele. “Ele é um striker, gosta de trocar porrada. Mas eu acho que não vai arriscar lutar em pé comigo e vai querer me levar para o chão. E é aí que vejo a chave da derrota dele. Eu treinei bastante para não cair, mas se cair finalizar. A expectativa é que ele troque comigo, mas acho que como vai estar dentro de casa vai usar de tudo para me derrotar, então pode querer levar para o chão sim”, encerra.

Duelo feminino entre strikers e GP de kickboxing são outras atrações da noite

Além do duelo que marca luta mais importante da noite, o Imortal FC 4 – Dynamite tem diversas atrações no seu card. Com um total de 17 lutas de MMA, o evento tem como co-luta principal a experiente Julie Werner enfrentando a promessa Ariane Lipski, pela divisão dos moscas (até 57kg). O Imortal FC realiza ainda lutas de kickboxing em seu card. Além de quatro duelos casados, será realizado um GP até 65kg, com Jordan Kranio, Fabricio Zacarias, Bruno Gari e Petros Cabelinho.

Venda de Ingressos

Preços: Arquibancada 30 / Cadeira 40 / Área VIP 100

Pontos de Venda:
Jack Music Bar – Shopping São José. Tel.: (41) 3081-3898
Jack Fight – Rua Dr Motta Jr, 1080 – SJP. Tel.: (41) 3081-4754
Divino Prato – Rua Mateus Leme, 473. Tel.: (41) 9573-7000
Barbarium Beer PUB – Rua Chile, 1765. Tel.: (41) 3408-2516
À venda em todas as academias participantes

IMORTAL FC 4 – DYNAMITE

Data: Sábado, 21 de maio de 2016
Local: Ginásio Max Rosenmann, São José dos Pinhais (PR)
Horário: 17h (início do card) e transmissão ao vivo no Esporte Interativo às 21h

Card Televisionado (A partir das 21h – Esporte Interativo)

Até 70kg: Thiago Bel (16-3, Evolução Thai) x Jorge Blade (7-2, RFT)
Até 57kg: Juliana Werner (8-5, Sygma) x Ariane Lipski (6-3, Rasthai)
Até 84kg: Bruno Blindado (14-5, Evolução Thai) x Tiago Varejão (24-4, Roxo Strike)
Até 66kg: Irwing Machado (13-4, Checkmat) x Felipe Cruz (16-3, Team Tavares)
Até 77kg: Luciano Contini (11-2, Strikers House) x Marcos Pirata (12-3, Fight Only/Madison Team)
Até 66kg: Diego Marlon (25-9, Gile Ribeiro/Noguchi) x Eneas Gringo (7-4, Gringo Team)
Até 57kg: João Alicate (9-1, Combate Absoluto) x Jardel Evangelista (6-3, Noguchi)
Até 120kg: Johnny Walker (7-2, SIAM / LA Sports) x Fabão Vasconcelos (8-2, HARD)

Card Preliminar (A partir das 17h)

Até 84kg: Dyego Roberto (13-9, Chute Boxe) x Givago Ronin (6-2, CM System)
Até 61kg: Shyudi Yamauchi (12-7, Team Yamauchi) x Diego Santos (10-6, Madison Team)
Até 61kg: Magnum Max (6-3, Evolução Thai) x Welinton Santos (2-0, Chute Boxe)
Até 77kg: Wellington Turman (9-1, Gile Ribeiro / Noguchi) x Geovani Max (11-11, OCS Jiu Jitsu)
Até 75kg: Eduardo Garvon (8-2, Evolução Thai) x Isaac Shibata (Estreante, Gentilini Fighters)
Até 70kg: Antonio Nego (5-2, King Shark) x Igor Soares (3-2, Noguchi)
Até 70kg: Everton Toniazzo (2-3, Confiance JJ) x Ruben CP (1-1, Team Bronx)
Até 61kg: Paulo Macedo (3-0, Fight Only) x Alan Psicopata (1-0, Strikers House)
Até 66kg: Luiz Killer (4-0, Evolução Thai) x Willian Fragoso (Estreante, Gentilini Fighters)

CARD KICKBOXING

GP até 65kg: Jordan Kranio, Fabricio Zacarias, Bruno Gari e Petros Cabelinho
Até 65kg: Diego Shaolin x John Wesley
Até 61kg: Felipe Machado x Maicon Bruno
Até 70kg: Pedro Gomes x Gustavo Neves
Até 65kg: Inglesson The Lara x Hugo Caveira

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here