Elias Silvério supera bullying de rivais e se torna o primeiro paulista campeão do Jungle Fight

5
Invicto após sua 9ª luta, atleta garante que abalou oponente: “Ganhei no psicológico”
A vitória não veio como prometido, mas não tirou o mérito de Elias Silvério, que se tornou o primeiro paulista campeão do Jungle Fight neste sábado (4) após bater o baiano Junior “Orgulho” por pontos. Especialista em muay thai, o lutador deixou o nocaute escapar no último round, mas comprovou a fama de casca grossa ao superar todos os desafios que apareceram ao longo da semana. E não forma poucos.
Desde bater os famigerados 77 kg, peso limite dos meio-médios, até suportar o abundante calor da capital do Pará, Elias assimilou um knock down logo na primeira etapa disputa e mostrou controle emocional para não se abalar com as provocações vindas do corner do adversário.
O Kleber [irmão de Júnior] passou a semana toda dizendo que eu seria nocauteado, e durante a luta ficava gritando que eu só sabia chutar e que eu iria perder. O irmão dele também falou demais depois da pesagem, mas provei que estou preparado para qualquer. Ganhei no psicológico.
Enquanto buscava ignorar o bullying feito pelo ex-campeão dos meio-pesados (93 kg), o paulista tinha que conter o ímpeto do mais pesado adversário, que cumpriu a promessa de buscar o nocaute com fortes socos na trocação franca.
Levando a pior no primeiro assalto, restou a Elias vencer os rounds seguintes, tarefa que não pareceu muito difícil, uma vez que a partir do segundo soar do gongo seu melhor preparo físico ficou evidente.
Tamanha foi sua supremacia no terceiro e decisivo round, que parte da plateia cobrou por um nocaute que fecharia com chave de ouro sua caminhada no maior evento da América Latina.
“Realmente fiquei devendo ali no final, me faltou um pouquinho de força. Mas está tudo ótimo. Tudo lindo. Sou campeão do Jungle e agora topo defender o título, descer de peso, lutar no UFC e tudo mais. Estou feliz da vida e só tenho a agradecer a todos que me ajudaram a trazer esse título para São Paulo.”

Confira todos os resultados do Jungle Fight 52

Elias Silvério venceu Junior Orgulho por pontos
Douglas D’Silva nocauteou Toninho Marajó no 2º round
Guilherme Kioto nocauteou Reginaldo Fibrado no 1º round
Caio Alencar finalizou “Bira” Lima no 1º round
Junior Suicida venceu Gabriel Siqueira por pontos
Francisco “Mingau” venceu Fabrício Bill por pontos
Michel Silva finalizou Rômulo Medeiros no 3º round

SHARE
Previous articleBom dia!
Next articleVale a pena ver de novo – 05

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here