Davi Ramos busca título inédito em GP da Copa Pódio

6
Atual campeão até 77kg do ADCC, lutador está confirmado no torneio dos leves do evento, que acontece dia 9 de janeiro, no Rio de Janeiro.
Davi Ramos volta à Copa Pódio de olho em título do GP dos leves (Divulgação/Copa Pódio)
O ano de 2015 já se tornou especial para Davi Ramos. Em agosto, o lutador conquistou o título do ADCC na categoria até 77kg e mudou de patamar na carreira. A consagração veio acompanhada de seminários pelo mundo afora, convites para camps de treinamento, entre outros benefícios de uma grandiosa conquista. Acostumado a desafios, Davi começa o ano de 2016 já com um grande pela frente. No dia 9 de janeiro, na abertura da quarta temporada do evento, ele entrará em ação em busca do inédito título do GP dos leves da Copa Pódio de Jiu-Jitsu, que acontecerá no ginásio do clube Hebraica, no Rio de Janeiro. 
Será a terceira participação de Davi Ramos na franquia. Em 2012, logo em sua primeira aparição, o carioca faturou a terceira colocação do torneio dos médios. No ano seguinte, na mesma categoria, terminou o GP ocupando o quinto lugar. Agora, o atleta acredita que chegou a hora de subir no lugar mais alto do pódio. 
“Desde que ganhei o ADCC, não parei de treinar de quimono e sem quimono. Estou vivendo uma fase muito boa, muito feliz com minhas recentes conquistas e com minhas lutas. Estou levando isso para meus treinamentos, e o resultado tem sido maravilhoso. Aceitei o desafio de lutar o GP da Copa Pódio com muita alegria, e o foco agora é no título”, avisa o lutador, faixa-preta de Cezar Casquinha e representante da equipe Atos Jiu-Jitsu.
Após a estreia pela Copa Pódio, Davi Ramos passou conciliar sua carreira na arte suave com as lutas de MMA profissional. Os treinos se intensificaram, e a evolução foi nítida nas duas modalidades. Nos cages, o cartel é de quatro vitórias e apenas uma derrota. Já nos tatames, o lutador alcançou a maior glória de sua carreira ao finalizar Lucas Lepri de maneira espetacular e gravar seu nome como campeão do ADCC. Para 2016, Davi, atualmente aos 29 anos, planeja seguir conciliando os desafios. 
“Sigo treinando bastante MMA, principalmente a parte de wrestling e trocação. Quero fazer mais lutas em 2016, mas ainda não pintaram boas oportunidades. O jiu-jitsu é minha arte marcial de raiz, por isso não consigo ficar longe dos grandes eventos. Amo lutar, competir, me desafiar, e por isso aceitei o convite da Copa Pódio. Mas também não vejo a hora de entrar em ação novamente em algum cage, por um grande evento”, confessa. 
No GP dos leves da quarta temporada da Copa Pódio, Davi Ramos terá a missão de destronar o atual tricampeão do torneio, o paulista Leandro Lo. Além do carioca, a competição ainda conta com as participações de Diego Borges, Lucas Lepri, Jaime Canuto, Luan Carvalho, Felipe Silva e dos norte-americanos AJ Sousa, Dillon Danis e Edwin Najmi. “Terei grandes concorrentes pela frente, e isso é apenas mais um motivo para eu me entregar totalmente nos treinos e nas lutas. A missão é árdua, mas farei de tudo para sair como campeão”, encerra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here