Vem Na Mão | Uma porrada de notícias sobre o mundo MMA

Voltar ao topo

Vídeos

Cyborg fala de luta por cinturão no Invicta e comenta TUF liderado por mulheres

No Rio de Janeiro com a Team Moraes e ajustando detalhes do projeto social na Cidade Maravilhosa, Cris Cyborg concedeu entrevista exclusiva ao PVT. A lutadora, que vem de vitória na estreia no Invicta FC, falou sobre a disputa de cinturão do dia 13 de julho contra Marloes Coenen, a quem já venceu em janeiro de 2010.

“Eu a admiro, porque ela disse que, apesar de ter perdido, quer me enfrentar de novo. Só não pode usar a mesma estratégia, já que a primeira não funcionou (risos)”, brincou Cyborg, que nocauteou Fiona Muxlow em abril.

Uma das maiores representantes do MMA feminino, Cyborg comentou o inédito The Ultimate Fighter comandado por mulheres. Ronda Rousey e Cat Zingano serão treinadoras da edição 18, que terá homens e mulheres dividindo a casa.

“Estou esse tempo todo tentando ajudar o MMA feminino a crescer, e fico feliz com a oportunidade que o UFC tem dado. No TUF, não sei como será com homens e mulheres juntos, acho que será tipo Big Brother”, brincou a ex-campeã do Strikeforce.

Confira mais de Cris Cyborg nos dois vídeos abaixo. A lutadora fala ainda sobre ida para o UFC, que esteve tão próxima, mas não aconteceu devido a diferença entre os 65kg de Cyborg e os 61kg da categoria galo do Ultimate.

“Na minha última luta, pelo Invicta, estava na banheira quente cortando peso e pensei: ‘Putz, 61kg não dá!’. É muito peso para baixar. Mas vamos ver, de repente damos um jeitinho”, especulou Cris.



Artigos Relacionados