Bruno Macaco mira a quinta vitória consecutiva para alcançar grandes eventos na próxima temporada

6

bruno-macaco

Foto: Divulgação

Campeão mundial do XFC e agora de volta ao maior torneio nacional de MMA, o Shooto Brasi 67. Nesta sexta-feira, dia 11 de novembro, no Clube Hebraica, em Laranjeiras, um dos grandes prospectos da Nova União, Bruno Macaco, entra no cage para fechar o ano de 2016 com chave de ouro e atingir a marca de cinco vitórias consecutivas na carreira. Depois de vencer Lincoln Sá, em junho, o brasiliense sobe no cage para encarar William Pitchula, na divisão dos moscas (até 56,7kg) e aproximar de sua maior sequência de triunfos na carreira. O que, para ele, pode lhe ajudar a alcançar objetivos ainda maiores.

“Vencer mais uma consecutiva pode me credenciar para um 2017 nos maiores eventos do mundo. Como todo lutador, sonho em estar no UFC, Bellator em todos esses grandes organizações. Já consegui conquistar um título mundial, que foi o XFC, contra um dos melhores lutadores dessa divisão, o Allan Puro Osso, e agora quero voltar ao topo. FEchar 2016 com mais uma vitória será um grande passo”, afirma.

Aos 26 anos, Macaco coleciona um cartel invejável, de 14 vitórias – sendo nove por finalização – e apenas duas derrotas. Ele garante que o camp para o confronto com Pitchula está sendo feito como se fosse o duelo mais importante de sua carreira. Isto é, como todos os outros.

“Sempre levei minha carreira a sério, e sempre fui muito focado em meu objetivo desde que comecei a lutar MMA. Pretendo continuar por esse caminho no próximo ano. Minha preparação para essa luta foi ótima. Pude treinar de maneira planejada e de acordo com as orientações dos meus professores . Estou focado para conseguir sair com mais uma vitória”, confirma.

Rival de Bruno, Pitchula é atleta de Macapá, no Amapá, e tem um cartel oscilante com dez vitórias, nove derrotas e um empate.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here