Vem Na Mão | Uma porrada de notícias sobre o mundo MMA

Voltar ao topo

Notícias

Brave MMA terá sua primeira edição no dia 23 de setembro, em Isa Town, estrelado pelo invicto Thiago ‘Monstro’

2

A atração do mês que vem terá um brasileiro na luta principal: o paulista Thiago “Monstro” Vieira, de 25 anos, que está invicto no MMA profissional, com oito vitórias em oito lutas. Seu adversário será o libanês Mohamed Fakhreddine. No mesmo card, o russo Eldar Eldarov enfrenta o irlandês Peter Queally, parceiro de treinos do campeão do UFC Conor McGregor na academia SBG Ireland.

A meta da nova organização de MMA é se tornar uma das grandes referências mundiais no ramo das lutas. “Com a abordagem que planejamos fazer, nossa meta é trazer o mundo ao Bahrein e levar o Bahrein para todo o mundo. Estamos criando uma rede mundial de talentos no MMA que vai integrar mercados locais em pelo menos três continentes. Cada evento terá sua produção local, seguindo suas características regionais, mas, ao mesmo tempo, estará conectada ao sistema global do BRAVE”, explicou o diretor executivo da organização, Mohammed Shahid. “Nós queremos ser a melhor organização de MMA para se assistir e se lutar. Nossos atletas e sua saúde são nossa prioridade. Prometemos cards de altíssima qualidade em todas as ocasiões. Vamos trazer os melhores talentos e produzir shows no mais alto nível. Estamos confiantes que o BRAVE será a próxima grande novidade no mundo do MMA”, continuou.

E, de olho no crescimento global, o BRAVE MMA considera realizar shows também no Brasil a partir do ano que vem. “Com o BRAVE nós queremos fazer uma plataforma internacional de MMA e, é claro, não há como pensar nisso sem incluir na pauta o Brasil. O país é o berço das artes marciais mistas, um dos maiores celeiros de talentos mundiais e a Meca dos esportes de combate”, disse Shahid. “Trazendo atletas brasileiros para competir no Oriente Médio nós queremos não só estabelecer uma relação duradoura como também pavimentar o caminho para a realização de eventos em solo brasileiro já em 2017”, completou.



Artigos Relacionados