Vem Na Mão | Uma porrada de notícias sobre o mundo MMA

Voltar ao topo

Notícias

Anderson Silva: “Eu não gosto de lutar contra caras brasileiros”

Anderson Silva participou do programa “From All Angles”,  atração onde figuras de destaque do MMA relembram momentos marcantes da carreira e contam os bastidores de sua trajetória, conduzido por Karyn Bryant. Um dos segmentos mais surpreendentes foi quando abordou como  se sentia quando via imagens de seu devastador chute que nocauteou Vitor Belfort. Mesmo diante da grande rivalidade estabelecida na época, Spider declarou detestar enfrentar compatriotas dentro do octógono e revelou o choque quando soube da entrada de Belfort em sua categoria.

“Eu não gosto de lutar contra caras brasileiros. Eu enfrentei Vitor mas eu não gostei porque treinei muito tempo junto com ele. Um dia o Vitor falou, “Eu vou para o UFC e vou lutar nos médios”, o pessoal respondeu, “O que você disse?”.

Criticado por grande parte da comunidade ligada ao MMA por preferir não atuar contra adversários considerados amigos, o número um do ranking oficial do UFC reafirma a postura e planeja aumentar seu domínio encarando apenas estrangeiros.

Anderson Silva planeja calar as vozes que apontam suas supostas fraquezas contra wrestlers ao pegar Chris Weidman no dia 6 de julho. O combate encabeçará o UFC 162, marcado para Las Vegas, Estados Unidos. Aos 38 anos de idade, com 33 vitórias e quatro derrotas, além de vir de uma sequência de 17 triunfos seguidos, Spider escreve a cada novo dia seu nome como um dos maiores de todos os tempos.


Fonte: MMA Space



Artigos Relacionados