Agora é oficial: Daniel Cormier x Jon Jones 2 é a luta principal do UFC 200

7
Os dois atletas se enfrentaram pela primeira vez no UFC 182, em 2015, e Jon Jones venceu por decisão unânime. Luta substitui Conor McGregor x Nate Diaz no card.
Foto: Divulgação
Após meses de indefinição, finalmente o UFC 200 parece ter uma luta principal digna da representação histórica do evento. Durante o programa “Good Morning America”, da rede de TV ABC, nos EUA, Dana White anunciou que o torneio terá a revanche entre Daniel Cormier e Jon Jones como a grande atração da noite, substituindo a luta anteriormente anunciada, entre Conor McGregor e Nate Diaz. Presentes no estúdio, os dois lutadores, acompanhados de Miesha Tate (campeã peso-galo), Frankie Edgar (ex-campeão peso-leve), Paige VanZant e Chuck Liddell (membro do Hall da Fama do UFC e ex-campeão meio-pesado), oficializaram a luta, que acontecerá dia 9 de julho, na T-Mobile Arena, em Las Vegas.
– O UFC 200 tem sido interessante, para dizer o mínimo. Houve muita maluquice nesses últimos tempos. Jon Jones fez uma grande luta contra Ovince St. Preux, e agora ele quer o seu título dos meio-pesados de volta. Então, estamos aqui para anunciar que a luta principal do UFC 200 será entre Jon Jones e Daniel Cormier – disse Dana White no programa.
Daniel Cormier se mostrou feliz pelo anúncio, e disse que lutar em julho não será problema.
– Estou tão feliz quanto qualquer um que estivesse nessa situação estaria. Venho querendo lutar contra Jon há um bom tempo, desde que ele me venceu em janeiro de 2015 e me sinto ótimo. Melhorei muito no meu último período de treinos e não acho que haverá nenhum problema em julho.
O primeiro duelo entre os dois aconteceu no UFC 182, em 2015, e Jon Jones manteve o cinturão da categoria por decisão unânime. Invicto até então, Cormier amargou a primeira derrota da carreira, perdendo uma invencibilidade de 15 lutas. De lá para cá, Jones teve diversos problemas pessoais, forçando o UFC a retirar o seu cinturão enquanto ele esteve preso e sob vigilância da Justiça americana. Cormier, por sua vez, venceu Anthony Johnson na disputa do cinturão vago e tornou-se o novo campeão da categoria. Mesmo após defender o título contra Alexander Gustafsson, o novo campeão não tirou Jones do seu radar. Os dois se provocaram sempre que houve chance, e a revanche foi pedida incessantemente pelos dois.
Caso não haja alterações no card do evento, esta será a segunda vez que uma edição do UFC terá três disputas de cinturão (Daniel Cormier x Jon Jones (meio-pesado), José Aldo x Frankie Edgar (interino dos penas) e Miesha Tate x Amanda Nunes(galo)). A primeira foi no UFC 33, em 2001, quando três títulos foram decididos na mesma noite (Tito Ortiz x Vladimir Matyushenko (meio-pesado), Jens Pulver x Dennis Hallman (leve) e Dave Menne x Gil Castillo (médio).
UFC 200
9 de julho de 2016, em Las Vegas (EUA)
CARD DO EVENTO (até agora):
Peso-meio-pesado: Daniel Cormier x Jon Jones
Peso-pena: José Aldo x Frankie Edgar
Peso-galo: Miesha Tate x Amanda Nunes
Peso-pesado: Cain Velásquez x Travis Browne
Peso-meio-médio: Nate Diaz x adversário indefinido
Peso-meio-médio: Johny Hendricks x Kelvin Gastelum
Peso-galo: Cat Zingano x Julianna Peña
Peso-leve: Joe Lauzon x Diego Sanchez
Peso-leve: Takanori Gomi x Jim Miller
Peso-médio: Gegard Mousasi x Derek Brunson
Peso-leve: Sage Northcutt x Enrique Marin
Via: Combate

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here